Portal da Maturidade

Tudo sobre Maturidade, por Mariúza Pelloso Lima

A Escada dos Medos e do Desejos

3 Comentários

Escada_Medo_Maturidade

Relativity – M. C. Escher

          Nós evoluímos através do desejo e do medo. Não há medo sem desejo escondido e não há desejo que não traga consigo um medo. O medo e o desejo estão sempre ligados.

          Temos medo do que desejamos e desejamos o que nos faz medo.

          Vamos imaginar nossa vida como uma escada. Estamos sempre subindo novos degraus, como uma representação de uma nova etapa, que nos traz um novo nível de consciência. Nossa visão se amplia conforme vamos subindo nessa escada.

          Algumas vezes paramos em algum degrau, voltamos para outros, sem cessar, e descobrimos que existem vários níveis de consciência. E em cada nível nós sentiremos medo e desejo. Medo de não conseguir, de fracassar, de não atingir o objetivo que tanto desejamos para nós. E sentimos que nos paralisamos em um degrau e nem tentamos outros.

          Para que consigamos caminhar na estrada da nossa vida é preciso soltar as amarras que nos prende: nossos medos, que , muitas vezes inconscientes, atuam nas nossas posturas, nas nossas emoções.

          Não é preciso ter medo de ter medo. O medo é normal e o fato de aceitá-lo já o torna menos poderoso. São muitos os medos que se manifestam em nós. Na maturidade, podemos citar alguns, como:

  • medo das doenças degenerativas: Alzheimer, Parkinson.
  • medo da demência.
  • medo de perdas de entes queridos.
  • medo de perder a autonomia física, financeira.
  • medo de não ser amado, de não ser acolhido e protegido.
  • medo de ser abandonado, da solidão.
  • medo de perder a virilidade.
  • medo de depressão.
  • medo de não saber lidar com as encruzilhadas da vida: aposentadoria (perda de status, às vezes de identidade e de rebaixamento financeiro), doenças como câncer, artrose, diabetes, cardiovasculares.
  • medo da morte.
  • medo de se arriscar.

          Esses medos que afloram na maturidade são advindos de todas as experiências vividas ao longa da vida, muitos remanescentes da infância, sufocados, mal resolvidos, inconscientes, como também devido a relacionamentos familiares conflitivos, ou perdas muito significativas.

          Há também os medos dos estigmas da velhice, reforçados pela nossa sociedade: a passagem da maturidade para a velhice como um caminho para a morte, doenças e solidão. E os novos medos, que estão surgindo de uma longevidade alcançada: como viver até os 100 anos com qualidade de vida? Como conviver com diferentes gerações e diferentes paradigmas culturais e sociais?

          Como podemos fazer para que nossos desejos sejam mais fortes do que nossos medos? Como alimentarmos e fortalecermos esses desejos para que nos impulsionem e não nos deixem desistir de nossos sonhos?

          Para isso, trabalhar com os medos na maturidade é ter oportunidade de evoluir mental, emocional e espiritualmente, elevando cada vez mais o nosso nível de consciência.

          Participar da Gerontologia Educacional é uma possibilidade para as pessoas na maturidade encontrarem soluções mais saudáveis e adequadas para conseguirem a vitória dos desejos sobre os medos, para viverem com bem menos medo das sombras que envolvem a maturidade.

Anúncios

3 pensamentos sobre “A Escada dos Medos e do Desejos

  1. “E depois, morreremos de medo e sobre nossos túmulos nascerão flores amarelas e medrosas” .Carlos D. de Andrade.

  2. Bom dia,

    Gostaria de cumprimenta Los pelo excelente trabalho.

    Paz

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s